Sindicom Facebook Twitter YouTube

Sindicato dos Trabalhadores em Comunicação de Goiás

O iPhone só existe porque Steve Jobs odiava um executivo da Microsoft

E você achando que a raiva só fazia mal às pessoas

Da próxima vez que você pegar seu iPhone na mão - seja para checar suas redes sociais, mandar mensagens ou, se você for old-fashioned, ligar para alguém -, saiba que este pequeno aparelho que você carrega só existe porque, um dia, um executivo da Microsoft irritou o Steve Jobs.

A história é real e foi compartilhada por Scott Forstall, que liderou a divisão de software enquanto Jobs comandava a empresa, durante um evento na última terça-feira (21). 

Segundo Forstall, o executivo - marido de uma amiga da esposa de Jobs - se gabava repetidas vezes dos tablets da Microsoft para Jobs, dizendo que eles iriam "dominar o mundo" com seus novos aparelhos. Dias depois, Jobs apareceu na Apple com uma série de diretrizes e disse "vamos mostrar a eles como se faz". 

Eis o perigo de mexer com pessoas inteligentes.

Fonte: gq.globo.com

Comentário