Sindicom Facebook Twitter YouTube

Sindicato dos Trabalhadores em Comunicação de Goiás

3 previsões de como a Internet das Coisas vai transformar seu negócio

Por Pyr Marcondes

Network -782707_1280-1200x 500

Varejo/Compras

Os consumidores vão fazer suas compras no ponto de venda através de telas e cada vez menos através de contato com pessoas. A riqueza visual e lúdica da experiência interativa vai transformar o consumo nas lojas num game. Por trás das telas multi-touch, sofisticados sistemas de captação de dados dos consumidores e integração com o back office de armazenamento e logística. A compra poderá ser apanhada no próprio ponto de venda ou entregue em casa. Quem sabe por um drone ou por um robô.

Wearables 

Parte importante do mundo da Internet das Coisas, os "usáveis", ou seja, aparato de uso pessoal, no corpo, conectados, serão cada vez mais normais no dia a dia e isso aumentará exponencialmente a possibilidade de contato um a um, incrementando a experiência da personalização como nunca antes.

Dados e Mensuração

Como ficou claro nos itens anteriores, a Internet das Coisas tem seu front end e seu back end. No back end, como dito acima, teremos a possibilidade de capturar dados e informações das pessoas, no front end, e fornecer dados e informações para as áreas de gestão interna das companhias. Essa possibilidade torna, por um lado, a necessidade de gestão de dados em algo até hoje inimaginável. Big Data talvez nem seja mais a expressão para esse novo potencial e o novo volume de dados a disposição e que terão que ser manipulados. Por outro, aumentarão o grau de precisão e acuracidade das informações tanto sobre o consumidor e usuário, como no back end das companhias.