Sindicom Facebook Twitter YouTube

Sindicato dos Trabalhadores em Comunicação de Goiás

UNI-Brasil realiza reunião do Conselho de Enlace e debate de Conjuntura Internacional

UNI-Brasil Realiza Reunião Do Conselho De Enlace E Debate De Conjuntura Internacional

Na última quarta-feira (17) aconteceu na sede Sentracos (Secretariado Nacional dos Trabalhadores no Comércio e Serviços de São Paulo) a 80ª reunião do Conselho de Enlace da UNI Brasil e debate sobre conjuntura internacional e o impacto das inovações tecnológicas sob os trabalhadores e seus direitos.

Marcaram presença da reunião do Conselho representantes de entidades dos trabalhadores do Brasil dos setores engenheiros, rádio, televisão, publicidade, gráficos, telecomunicações, financeiro, segurança e vigilância, comerciários, asseio e conservação, comércio e serviços e a Rede de Mulheres da UNI.

Miguel Novaes, coordenador do Conselho de Enlace e secretário de relações internacionais da Fitert, ressaltou que um número cada vez maior de entidades filiadas tem participado das reuniões e acredita que o resultado é reflexo do trabalho da atual gestão.

Entre os presentes, a fala de Ricardo Patah, atual presidente do Sindicato dos Comerciários de São Paulo e presidente da UGT (União Geral dos Trabalhadores), enalteceu o trabalho desenvolvido pelo Conselho e as vitórias alcançadas com a bandeira da UNI no Brasil através do Conselho. Já o recém-eleito presidente da Confederação Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras das Américas (CSA), Laerte Teixeira da Costa, afirmou que, "o mundo precisa de mudanças e é precisamente no continente americano, mais especificamente na América Latina, que os povos, os governos e os sindicalistas estão na vanguarda, buscando afirmar um projeto alternativo ao neoliberalismo. Hoje, a história nos chama para avançar com unidade e solidariedade, abrindo caminho para a justiça social. Que estejamos à altura deste desafio".

Após o encerramento da reunião, teve início o debate de Conjuntura Internacional com Mario Luiz Raia, da Contraf (Confederação dos Trabalhadores no Sistema Financeiro). O expositor transcorreu sobre as transformações no mundo desde os anos 80, o fim da ditadura militar no Brasil e na América Latina, as eleições de governos de esquerda, bem como sobre as crises geradas na Europa e América do Norte sob o governo neoliberal.

Logo em seguida, o professor Ricardo Martins da Silva, do Centro Universitário Sant'Anna, responsável pelas disciplinas de Sistemas de Informações, Governança de TI, Tecnologia da Informação, Gerenciamento de Redes e Redes de Computadores, abordou o segundo tema de debate: Inovações tecnológicas e os impactos sob os trabalhadores e seus direitos.

Para Miguel Novaes, "o objetivo principal [dos debates] é capacitar e instruir cada dirigente para o embate diário com a classe patronal e de transformar o conhecimento em informação aos trabalhadores".

Após o fechamento do dia, foi anunciado que a próxima reunião acontecerá na sede da UGT Rio de Janeiro, em 19 de outubro.

Fonte: Da redação, com informações da secretaria de Relações Internacionais